Menu

Teste Menu 1

(Foto: Adriano Abreu/Tribuna do Norte)
Na tarde deste sábado (24), o Clube do Povo encerrou sua participação na Série C do Campeonato Brasileiro, encarando o Globo/RN no Estádio Barrettão, em Ceará-Mirim/RN.

A primeira etapa foi fraquíssima tecnicamente, do nível do futebol potiguar em 2019. Ambas equipes errando muito e chegando apenas nas bolas paradas e alçadas na área, mas sem muito perigo.

A segunda etapa foi bem mais movimentada, o ABC acionou Wallyson e Jefinho, pelo lado do Globo, os garotos Negueba e Chiclete foram os destaques e deram trabalho para a zaga ABCdista.

Logo aos 10 minutos, Ivan cobrou falta, a bola ficou viva na área e Wallyson, de voleio, marcou para o ABC.

A Águia sentiu o golpe e não teve reação imediata, o ABC por sua vez, quase marcou por intermédio de Ivan, que acertou o travessão num lindo chute.

As coisas pioraram para o time de Ceará-Mirim quando o volante Muricy foi expulso, aí o time partiu para o desespero, mas não conseguiu levar qualquer perigo ao gol de Édson.

Já no apagar das luzes, o ABC encaixou o contra-ataque. Wallyson arrancou, fez boa jogada individual e cruzou para Jefinho, que chegou batendo forte para dar números finais ao duelo.

Fim de jogo no Estádio Barrettão: Globo/RN 0 x 2 ABC.

Agora, o Mais Querido espera por um parecer do STJD sobre possível irregularidade envolvendo o Treze/PB, que acabou escapando da degola.
(Foto: Luciano Marcos/ABC Futebol Clube)
Na noite deste sábado (17), o Mais Querido recebeu a equipe do Sampaio Corrêa/MA, no Estádio do Frasqueirão, em jogo de vida ou morte, válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

A partida começou pegada, mas com o ABC tomando a iniciativa e tentando impor seu ritmo, mas pecando e abusando dos passes errados.

Lohan foi o jogador mais lúcido do alvinegro na primeira etapa e criou boas chances. Em uma delas, o camisa 9 avançou, passou da marcação e bateu forte, a bola morreu na rede, mas pelo lado de fora.

Mas a grande chance ABCdista veio com Wallyson, em cobrança de pênalti, assinalado pelo árbitro após Andrey derrubar Lohan na área. Wallyson bateu no canto e o arqueiro adversário foi buscar, no rebote, Lohan chutou e Andrey operou mais um milagre.

O ABC sentiu o golpe do pênalti perdido, e voltou mal para o segundo tempo, o Sampaio percebeu e de aproveitou para marcar.

Roney recebeu livre e em jogada individual, puxou para o meio e bateu colocado, no canto do goleiro Édson.

O gol tomado ligou o ABC novamente na partida, e fez com que o time fosse para cima.

E mesmo na base do desespero, o gol de empate saiu. Wallyson fez bonita jogada e serviu Jefinho, que matou e bateu na saída do goleiro Andrey.

A parte final do jogo teve o ABC atacando de qualquer forma e o Tubarão se defendendo, saindo no contra ataque.

A chance da virada veio. Após cobrança de escanteio, Joécio dominou e, livre de marcação, encheu o pé, mas sem direção, a bola subiu.

Fim de jogo no Estádio Frasqueirão: ABC 1x1 Sampaio Corrêa/MA.
(Foto: ABC Futebol Clube)
Na noite deste sábado (10), o Mais Querido foi ao campo de jogo no Estádio Frei Epifânio, para encarar a equipe do Imperatriz/MA, em jogo válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

O ABC começou melhor, buscando impôr o ritmo para evitar qualquer pressão dos donos da casa.

O zagueiro Adalberto foi o primeiro a levar perigo ao gol adversário, com uma bela cabeçada que obrigou o goleiro Jean a fazer uma boa intervenção.

A resposta do Cavalo de Aço não demorou. Gabriel lançou Lucas Campos, que avançou e chutou forte, Édson salvou na primeira e Felipe Guedes chegou para afastar o perigo. 

Aos 27, veio a melhor chance ABCdista. O Mago Wallyson fez belíssima jogada individual e avançou livre, puxou para a direita e chutou forte, a bola passou raspando a baliza de Jean.

A segunda etapa foi de domínio dos donos da casa, com algumas estocadas do ABC na base do contra-ataque.

Em uma boa descida, Wallyson recebeu e partiu em velocidade, puxou e bateu colocado, Jean fez boa defesa.

O Cavalo de Aço insistia, exercia pressão e empilhava boas oportunidades, até que conseguiu o gol. Lucas Campos recebeu e bateu forte, a bola explodiu na zaga alvinegra, na volta, Rhayllan chutou para marcar.

O ABC acusou o golpe e se desarrumou em campo. O técnico Roberto Fernandes ainda buscou o gol de empate, pondo Tito e Dione em campo, mas as oportunidades foram poucas e o ABC não conseguiu igualar o marcador.

Fim de jogo no Estádio Frei Epifânio: Imperatriz/MA 1 x 0 ABC.

Como o Globo/RN também perdeu na rodada, o ABC segue vivo na luta contra a degola. A próxima partida do alvinegro será em casa, contra o Sampaio Corrêa/MA.
(Foto: ABC Futebol Clube)
Na noite desta segunda-feira (5), o Mais Querido visitou a equipe do Ferroviário/CE no Estádio Castelão, em jogo válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

A partida começou equilibrada, com ambas equipes explorando os flancos do campo, mas esbarrando nas boas atuações das zagas.

Os donos da casa chegando bem com o sempre perigoso Édson Kariús, artilheiro do campeonato. O Mais Querido buscava sempre o trio Jefinho, Wallyson e Lohan, que conseguiam criar, mas não transformavam as chances em gols.

A etapa complementar foi tão movimentada quanto a primeira. As equipes precisavam do resultado para seus respectivos objetivos e foram ao ataque.

O trio de ataque ABCdista logo funcionou. Aos 13 minutos, Wallyson fez boa jogada pela direita e tocou no meio, Lohan, na pequena área, escorou e marcou.

O gol ABCdista obrigou o Ferrão a partir para o ataque, e logo foi efetivo. Aos 26, a zaga alvinegra cochilou e viu Hiltinho chegar livre para cabecear e empatar.

Na parte final de jogo, o time cearense foi para a pressão e o ABC se segurou como pôde. Édson salvou o Mais Querido em três oportunidades.

Até que ao pagar das luzes, brilhou a estrela do ídolo Wallyson. O Mago recebeu, se livrou da marcação e bateu firme, no cantinho, para matar o jogo e dar a vitória ao ABC.

Fim de jogo no Estádio Castelão: Ferroviário/CE 1x2 ABC.
Jogo terminou com empate sem gols
(Foto: Magnus Nascimento/Tribuna do Norte)
O ABC voltou à campo na noite deste sábado (27), para enfrentar a equipe do Santa Cruz/PE, no Frasqueirão, pela 14ª rodada da Série C. Foi mais uma batalha do Mais Querido contra o rebaixamento.

O jogo começou com o ABC em cima do adversário. Em menos de 30 minutos de partida, o ABC já tinha finalizado duas vezes na trave e obrigado o goleiro Anderson a fazer algumas grandes defesas.

A pressão foi grande do alvinegro, mas sem sucesso na mudança do marcador.

No segundo tempo, o ABC voltou em cima, em busca da vitória. Logo no inicio, criou algumas chances com Wallyson e Jefinho, mas foram desperdiçadas.

Depois dos 15 minutos, o Santa Cruz melhorou, conseguiu sair um pouco do sufoco, mas sem colocar perigo ao goleiro Edson.

Quando o jogo já se encaminhava para o final e o empate persistia, Lohan aproveitou o passe de cabeça e empurrou a bola para a rede, porém, estava impedido e o gol foi anulado. O assistente que marcou a infração foi pressionado pelo jogadores do ABC e, em meio a confusão, Maurício, que estava no banco, foi expulso.

O ABC seguiu na pressão, encurralando o Santa, mas sem conseguir marcar.

Nos últimos minutos da partida, o ABC quase foi surpreendido. O Santa chegou forte com um chute  de fora da área, que parou na trave de Edson, no rebote, o atacante da Cobra Coral chutou fraco para a defesa do arqueiro alvinegro.

Fim de jogo: ABC 0 x 0 Santa Cruz/PE.

Com o empate, o ABC segue na 9ª posição, na zona de rebaixamento do Grupo A da Série C.
Imagem
(Foto: ABC Futebol Clube)
Na tarde deste sábado (20), o Mais Querido foi até a cidade de João Pessoa/PB para encarar a equipe do Botafogo/PB, no Estádio Almeidão, em jogo válido pela 13ª rodada da Série C.

Ambas equipes fizeram um bom jogo, buscaram o tempo todo o ataque e criaram algumas boas chances, principalmente pelas laterais do campo.

O Belo assustou primeiro, com Clayton, que se livrou da marcação e acertou um bom chute, para boa defesa de Saulo.

O ABC respondeu quase que imediatamente, com Diones, que recebeu na entrada da área e chegou batendo, obrigando o goleiro João Guilherme a fazer um belíssima intervenção.

Na segunda etapa, os times precisavam dos resultados para seus respectivos objetivos, e foram ao ataque.

O ABC foi letal na primeira chance que criou. Dione fez boa jogada, chegou na linha de fundo e cruzou, Lohan subiu livre e cabeceou firme para marcar.

Após o gol ABCdista, o time paraibano precisou sair, pressionar e acabou tendo que se expôr. 

Em um dos contra ataques do Mais Querido, Lohan lançou Jefinho, o garoto arrancou livre, na cara do goleiro, mas bateu para fora, perdendo chance valiosa.

A pressão foi grande, Saulo fez algumas intervenções, mas nada que levasse grande perigo.

A partida já se encaminhava para o fim, quando, após bola alçada na área e bate e rebate, Nando conseguiu escorar e empatar a partida.

Nos acréscimos, o jogo ficou aberto. Nando teve uma grande chance de virar, mas parou na grande defesa de Saulo. Pelo lado potiguar, Wallyson arriscou de fora da área, mas sem sucesso.

Fim de jogo no Estádio Almeidão: Botafogo/PB 1 x 1 ABC.

Com o empate, o ABC acabou ficando 3 pontos atrás do Globo/RN, primeiro clube fora do Z4, e que venceu o líder Ferroviário/CE nesta rodada.
(Foto: Fabiano de Oliveira)
O ABC voltou a campo na noite desta sexta-feira (12), para enfrentar a equipe do Confiança/SE, no Frasqueirão, pela Série C.

O jogo começou com a equipe alvinegra dando o ritmo e tendo a iniciativa. O ABC iniciou na pressão e logo nos primeiros minutos da partida, Jefinho, de cabeça, após cobrança de escanteio, pôs o alvinegro na frente do placar.

Mesmo com o gol, o ABC seguiu em cima em busca do segundo, que quase veio com Jefinho, que saiu cara a cara com o goleiro, mas tentou o drible e finalizou pra fora.

Pouco tempo depois, foi a vez do Confiança passar a crescer no jogo. E em escanteio, Tito, contra, empatou o jogo.

O jogo seguiu equilibrado até o intervalo.

Na segunda etapa, o ABC voltou com Wallyson na esperança de retomar a frente do marcador. Mas foi o Confiança que começou bem.

A equipe sergipana tinha o controle do meio de campo e passou a administrar o jogo, até que, após boa troca de passes, Everton chutou bem, no alto, sem chances para Edson.

Com a desvantagem, o ABC partiu pra cima na busca pelo empate. Chances foram criadas com Jefinho, Moisés e Anderson Rosa, mas nenhuma foi aproveitada.

O placar permaneceu e o ABC fracassou em casa.

Fim de jogo: ABC 1 x 2 Confiança/SE.
(Foto: Luciano Marcos/ABC Futebol Clube)
O ABC voltou à campo neste sábado (6), para enfrentar a equipe do Treze/PB, no Frasqueirão, pela Série C. A partida era um confronto direto pela luta contra o rebaixamento.

O Frasqueirão estava lotado, mais de 12 mil torcedores no estádio apoiando o ABC. E logo no início da partida, o Mais Querido abriu o placar com Joécio, após cruzamento de Ivan.

Com a vantagem no placar, o ABC acabou recuando um pouco e viu o Treze crescer ofensivamente. A equipe paraibana passou a explorar a bola parada a fim de chegar ao empate. O ABC conseguiu segurar e foi para o intervalo com a vantagem.

No segundo tempo, o ABC melhorou. Teve mais a bola, conseguiu criar boas oportunidades. A entrada de Felipe Guedes deu uma melhorada na saída de bola do alvinegro potiguar.

Mesmo com mais posse de bola e melhor no jogo, o ABC não conseguia chegar ao gol. Foi quando Roberto Fernandes chamou Wallyson, que estava no banco, para entrar e ajudar o ABC a matar o jogo.

O Mago entrou, voltou a vestir a camisa alvinegra e jogar no Frasqueirão. Era a volta do ídolo ao seu clube.

Wallyson entrou com tudo, ao lado de Jefinho e Tito, passaram a infernizar a zaga do time paraibano. Em uma das primeiras chances, Tito fez grande jogada, soltou a bomba e parou no goleiro adversário. Pouco tempo depois, Wallyson rolou para Jefinho, que soltou o pé, e a bola parou na trave.

O ABC era muito melhor e acabou sendo coroado com o segundo gol. E não podia ser outro jogador a marcar. Wallyson, o MAGO, recebeu bom passe e, com calma, na saída do goleiro, fez o gol que acabou com o jogo.

Não havia tempo para mais nada! Era o ABC de volta a vitória!

Fim de jogo: ABC 2 x 0 Treze/PB.

Com a vitória, o Clube do Povo chegou aos 9 pontos e deixou a lanterna da competição.