Menu

Teste Menu 1

(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
Um dos reforços do Mais Querido para a Série C e Copa do Nordeste, o meia Marcos Júnior busca agora um espaço no time titular para poder fazer sua estreia com a camisa alvinegra. Marcos, inclusive, já foi regularizado e na partida contra o Globo/RN, no último domingo (15), foi relacionado e ficou no banco.

O meia disse que vai trabalhar forte para ganhar uma chance no time titular. "Em todo clube é assim, a gente chega e tem que buscar o espaço no time titular para pode atuar. O Ranielle vai me dar oportunidades. Hoje faço parte do segundo time, mas vou trabalhar forte para fazer parte do primeiro time. Espero agarrar a oportunidade quando ela surgir."

Marcos passou pelo América/RN no ano passado, onde teve um bom desempenho. O meia acredita que as boas apresentações pelo rival contaram para a sua contratação. "Acredito que minha passagem pelo rival contou muito para a minha contratação. Se foram atrás de me contratar, é porque viram o futebol que apresentei no América/RN no ano passado. Estou feliz de ter voltado para Natal/RN, uma cidade que me adaptei rapidamente com minha família."
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
O atacante Leandrão vai fazer sua reestreia com a camisa alvinegra no próximo domingo (15), quando ABC entrará em campo para enfrentar o Globo/RN, às 17h, no Estádio Barrettão, em partida válida pela 1ª rodada da Série C. O atacante deve ser a única novidade no time titular do Mais Querido. 

O técnico Ranielle comentou sobre a entrada de Leandrão no time. "Muito foi falado que o ABC precisava de uma referência no ataque e agora já temos. Leandrão vai ser a referência no nosso ataque. É um atleta que impõe respeito, sabe fazer gols, e é muito forte na bola aérea. Nos jogos disputados até aqui, vimos que foram alçadas muitas bolas na área, mas como não tínhamos um centroavante, a bola sempre passava direto. Agora vamos ter alguém dentro da área para empurrar essa bola para a rede."

Caso Felipe Guedes tenha condições de jogo, o ABC deve ir à campo no domingo com o seguinte time: Édson; Arêz, Tonhão, Samuel, Igor; Felipe Guedes (Victor Feitosa), Erivélton, Higor Leite; Fessin, Jorge Eduardo e Leandrão.
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
O Mais Querido bateu a equipe do Ferroviário/CE, por 3 a 1, na noite desta terça-feira (27), pela Copa do Nordeste. O jogo foi cercado de expectativas, principalmente pela classificação do ABC para a próxima fase da competição. Mas o assunto "saída de Wallyson" também não poderia ser deixar de lado.

Apesar das negociações já bem avançadas entre Deportivo Maldonado/URU e Vitória/BA para que o Mago defenda o time baiano no restante da temporada, ainda existe otimismo pelo lado alvinegro. 

Na entrevista coletiva pós-jogo, o técnico Ranielle Ribeiro foi indagado sobre a situação do camisa 11 ABCdista e deu a seguinte declaração. "Acho que vamos conseguir a continuidade do Wallyson aqui. O próprio atleta demonstrou uma vontade de ficar. Então hoje eu tenho a convicção de que não vamos perdê-lo."

Ranielle tem consciência da importância de Wallyson para o grupo e o quão decisivo ele pode ser na sequência da Copa do Nordeste e para o principal objetivo do Mais Querido na temporada: o acesso para a Série B. "Sabemos o quanto Wallyson vai ser decisivo em uma Série C. Nos jogos importantes, ele não foge da responsabilidade, muito pelo contrário, assume e, com certeza, fará a diferença se ficar e estou bem convicto que fique."

Em contrapartida, através do Twitter, o jornalista Dionísio Outeda (Gringo) da Rádio 98 FM Natal, afirmou que Wallyson não fica no ABC. Segundo Dionísio, o Mago já viaja na próxima semana para Salvador/BA.
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
O atacante Wallyson não só voltou para o ABC depois de 10 anos, como também encontrou novamente o seu bom futebol. As boas atuações levaram o Mago a artilharia do Campeonato Potiguar com 7 gols. Além de ajudar o ABC com seus gols, o atacante também despertou o interesse de outros clubes, que já chegaram a sondar o atleta e consultar a situação do Mago no Mais Querido.

Para a partida contra o ASSU/RN, neste sábado (24), na Arena das Dunas, Wallyson será o único titular em campo. Seria um sinal de despedida? O técnico Ranielle acredita que a saída de Wallyson seja improvável neste momento. "O Wallyson voltou para o ABC para nos ajudar no acesso para a Série B. Para que ele permaneça no clube, a diretoria tem trabalhado muito, principalmente o Giscard Salton. Aqui, o Wallyson tem um bom ambiente, é um jogador decisivo e que contamos com ele para o restante da temporada. O trabalho para segurar o Wallyson está sendo grande. A saída dele neste momento acredito que seja improvável."



-
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
Após a derrota do ABC para o Globo/RN pelo placar de 2 a 1, na noite desta terça-feira (20), no Estádio Barrettão, pela Copa do Nordeste, o técnico Ranielle concedeu entrevista e analisou o resultado adverso.

O comandante disse que a autoconfiança atrapalhou o desempenho da equipe em campo. "Acredito que a autoconfiança nos atrapalhou demais nesse jogo. O nosso time entrou em campo achando que ia ganha quando quisesse. Não podia ter sido assim. No primeiro tempo, não jogamos bem, e o Globo/RN acabou se aproveitando disso e marcando o gol. Na segunda etapa, voltamos com outra postura, mais organizado e mais ofensivo. Assim, empatamos o jogo. Foi aí que a autoconfiança nos atrapalhou de novo. O empate já nos dava a classificação para a próxima fase da Copa do Nordeste, mas não aceitamos o resultado e fomos em busca da vitória, que acabou não vindo, e ainda nos custou a derrota nos acréscimos da partida com o gol do adversário."

Com a derrota, o ABC vai decidir sua classificação contra o Ferroviário/CE, na próxima rodada da competição. A partida será realizada no Frasqueirão. O técnico Ranielle comentou sobre isso. "A Copa do Nordeste é um competição difícil, não tem jogo fácil. Podíamos ter conquistado a classificação contra o Globo/RN, mas não deu. Agora, vamos trabalhar duro para que a classificação possa ser confirmada contra o Ferroviário/CE, na nossa casa. Vamos buscar o primeiro lugar do grupo."
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
Após o empate entre ABC e Força e Luz, por 1 a 1, na tarde/noite deste sábado (17), no Frasqueirão, o técnico do Mais Querido, Ranielle Ribeiro, concedeu entrevista coletiva e analisou o resultado.

O comandante disse que o ABC, embora tenha massacrado o Força e Luz durante todo o jogo, teve dificuldade em furar o bloqueio armado pelo time elétrico. "A gente já esperava que o Força e Luz fosse dificultar nosso trabalho hoje. Embora o nosso time tenha massacrado o adversário, não conseguimos furar o bom bloqueio armado pelo Força e Luz. Infelizmente, futebol é assim. O torcedor, que fez uma linda festa, saiu do estádio frutado. Nós, que lutamos durante todo o jogo, ficamos ainda mais frustados. Futebol não é com a gente quer."

Ranielle também reclamou da arbitragem. "O árbitro não podia ter deixado o Força e Luz apitar o jogo. Ele não podia permitir, mas permitiu, e perdeu o controle do jogo."
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
Após a vitória do ABC sobre o Globo/RN, por 3 a 0, na noite desta quarta-feira (7), no Estádio Barrettão, pelo Estadual, o técnico Ranielle Ribeiro concedeu entrevista e analisou o jogo.

Para o comandante, o ABC foi cirúrgico para vencer a partida. "Terminamos a rodada com 15 pontos, 100% de aproveitamento no turno.  Agora, vamos para o jogo contra o Força e Luz em busca da definição do campeonato. Jogar contra o Globo/RN sempre é difícil, pois é um adversário que corre muito. Tivemos algumas chances para definirmos o jogo ainda no primeiro tempo, mas não conseguimos. Então, no segundo tempo, com o Globo/RN saindo do seu campo de defesa, fomos cirúrgicos, marcamos mais dois gols e garantimos a vitória."
(Foto: Andrei Torres/ABC Futebol Clube)
Após a vitória do ABC sobre o América/RN, por 2 a 0, na noite deste sábado (3), no Frasqueirão, o técnico do alvinegro, Ranielle Ribeiro, concedeu entrevista e analisou o triunfo do Mais Querido no clássico.

O comandante destacou a disposição dos seus jogadores durante todo o jogo. "A disposição dos atletas durante a partida foi muito importante. O time foi muito determinado, buscamos o gol desde o início do jogo, o que acabou fazendo justiça ao placar. Acredito que nossa equipe foi soberana no jogo."

Ranielle também comentou sobre a proximidade da conquista do segundo turno. "A gente sabe que a vitória no clássico nos deu uma boa condição na competição. Demos um passo gigante rumo ao título do segundo turno. Porém, sabemos que ainda não tem nada definido. Ainda vamos ter três jogos e vamos buscar as vitórias."